O machismo nosso de cada dia

arton4509-4f9ddO machismo está tão presente na nossa sociedade que às vezes cansa lutar contra muitos dos absurdos que vemos todos os dias. Mas cansar não significa desistir, e eu não pretendo fazer isso tão cedo.

Andar por aí e ouvir comentários sobre a novela da Glória Perez é comum. Agora ouvir pessoas defendendo a tal traição do personagem principal (Theo, acho que é assim) à Morena só porque ela “saiu dando pra todo mundo na Turquia”, dá vontade de dar na cara de quem fala isso. Para quem não acompanha a novela “Salve Jorge”, basta saber que Morena foi explorada sexualmente na Turquia e no Brasil tinha um romance com esse Theo que já pegou todo mundo da novela, pelo que parece. 

Nem vou me deter ao fato do conceito de traição. Mas o absurdo é ouvir que a tal personagem traiu o Theo através de prostituição. Ora! Ela foi obrigada, foi explorada sexualmente! Onde traição se encaixa nessa discussão??????

Mas é como dizem: traição masculina sempre será aceita na sociedade. E complemento: e as vítimas de violência, se forem mulheres, sempre serão, de alguma forma, culpabilizadas ou demonizadas.

Afinal, quem nunca ouviu um comentário do tipo: ah, fulaninha tava andando com essa roupa? Tá pedindo!

Pedindo o quê? Pra ser estuprada? Faça-me o favor!!!!

Conversando com uma amiga hoje, eu que não penso em ter filhos tão cedo, comentei que às vezes me dá uma vontade repentina de ser mãe de um menino ou menina bem feminista!

Enfim, mudar essa realidade é difícil, mas não impossível.

Bom, esse foi mais um desabafo do que um artigo. Mas espero que sirva para alguma reflexão.

425079_426787274080925_1734917205_n

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s